quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Papa aceita renúncia de bispo que apoiou Dilma Rousseff

Papa aceita renúncia de bispo que apoiou Dilma Rousseff

Wednesday, November 24, 2010 22:45 | Armazenado em Dia-a-Dia, Linhas Ligeiras, Muralhas Doutrinárias

Vi esta manhã no Vatican Information Services que o Santo Padre “[a]ceptó la renuncia del obispo Luiz Carlos Eccel al gobierno pastoral de la diócesis de Caçador (Brasil) en conformidad con el canon 401, párrafo 2 del C.I.C.”. O bispo de Caçador, para quem não se lembra, foi aquele que divulgou uma carta de apoio a sra. Dilma Rousseff.
Teve a pachorra de divulgar esta carta um dia depois do Papa ter dito à Regional Nordeste 5 da CNBB que os bispos devem emitir juízos morais também sobre situações políticas concretas, sempre que “os direitos fundamentais da pessoa ou a salvação das almas o exigirem”! A atitude de Sua Excelência foi de zombaria, de escárnio, de deboche; e agora, menos de um mês depois, teve a sua renúncia aceita pelo Santo Padre.
Segundo o site da diocese, a renúncia deu-se para que o bispo pudesse “cuidar de sua saúde”. Tinha 58 anos; 17 a menos do que a idade canônica, na qual todos os bispos são obrigados a pedir renúncia. Em seu lugar, como Administrador Apostólico, foi nomeado Dom João Marchiori, bispo emérito de Lages.
Que Deus dê forças e sabedoria ao Papa Bento XVI. A fim de que continue conduzindo a Igreja como Ela precisa ser conduzida.

fonte:http://www.deuslovult.org/2010/11/24/6779/